Principais Pontos Turísticos de Roma Que Você Não Pode Perder

Roma, na Itália, é uma das grandes cidades do mundo. Com sua história de milhares de anos, sua arquitetura monumental, praças fabulosas, ruas cheias de personagens… é realmente um destino deslumbrante para visitar!

Porém, se você estiver embarcando para uma viagem a Roma, saiba que precisará de um bom planejamento, pois caso contrário, poderá correr o risco de ficar sobrecarregado (a) com o enorme volume de coisas para ver na Cidade Eterna.

Por isso, para te ajudar, neste artigo você irá conferir os principais pontos turísticos de Roma para conseguir aproveitar/explorar o melhor da cidade.

Piazza Navona

Mesmo quando é invadida por turistas e vendedores (o que acontece na maioria das vezes), a Piazza Navona é uma das praças mais impressionantes e bonitas em Roma, além disso, uma das maiores. 

Seguindo o estilo barroco da arquitetura, a Piazza Navona é um dos lugares mais interessantes para visitar em Roma. Foi construído no lugar do Estádio Domiciano, que era o centro de jogos e festivais.

Tornou-se uma das atrações populares de Roma por causa dos restos rústicos do estádio antigo, sua encantadora combinação de cores e esculturas espetaculares. Mantendo a agitação viva são os cafés ao ar livre e os diversos festivais.

Coliseu

Dedicado pelo imperador Vespasiano em 80 d.C, o Coliseu (que recebeu o nome de uma estátua colossal do imperador Nero que já esteve no local) abrigou até 50.000 pessoas e foi palco de inúmeras batalhas de gladiadores e animais selvagens. 

O antigo anfiteatro é agora o símbolo de Roma e uma parada obrigatória na maioria dos itinerários turísticos. E uma dica: compre seus ingressos com antecedência para evitar a espera em uma longa e lenta fila.

Fórum Romano

O Fórum Romano era o centro monumental da Roma antiga, onde havia os mais importantes edifícios públicos e religiosos da cidade. 

Você pode participar de um tour pelo Fórum Romano, que geralmente inclui também uma visita ao Coliseu, citado anteriormente. 

Hoje em dia é possível visitar os restos da antiga Piazza del Foro (Templo de Antonino e Faustina, Basílica Emília, Cúria, Templo de Vesta, Ara de César, Arco de Tito e Septímio Severo).

Basílica de São Pedro

É uma das igrejas mais importantes de toda a cristandade e a segunda maior igreja do mundo. E, independentemente da sua fé, a Basílica de São Pedro é majestosa e inspiradora, desde seu grande exterior até o teto alto e a decoração ornamentada de seus interiores. 

Você pode limitar sua visita ao interior da basílica, ou ver as tumbas subterrâneas dos papas ou subir na cúpula (ou pegar o elevador no meio do caminho) para ter uma vista inesquecível de Roma.

Além disso, é onde o Papa preside muitas liturgias durante todo o ano. A construção do foi concluída em 1626. Vários arquitetos renomados projetaram o templo, destacando as obras de Bramante, Michelangelo e Carlo Maderno. É uma atração imperdível em Roma!

Panteão

O poderoso Pantheon se destaca como um dos edifícios romanos antigos mais bem preservados do mundo e é uma das atrações mais famosas de Roma.

Construído em 118 d.C pelo imperador Adriano, o prédio que hoje se destaca foi realmente construído no local onde ficava um templo anterior, encomendado por Agripa.

O interior apresenta uma cúpula magnífica que possui uma série de padrões de pedra e um cofre central que permite que a luz se espalhe.

Localizado no centro de Roma, na Piazza della Rotonda, o Pantheon é um verdadeiro destaque e é outra visita obrigatória na cidade italiana.

Escadaria da Espanha

Localizada na Piazza di Spagna e na Piazza Trinita dei Monti, a Escadaria da Espanha foi construída em 1725 para cobrir a lacuna e a inclinação entre essas duas populares praças.

Cada um dos 135 degraus apresenta uma ampla borda de pedra e é emoldurada por paredes de pedra. 

No topo da escada, você encontra um grande obelisco de crucifixo e muitas inscrições gravadas na pedra. Na parte inferior da escada, a Piazza di Spagna é espaçosa e contém uma variedade de lojas e cafés.

Como alternativa, no topo da escada está a igreja Trinità dei Monti, que por si só já é uma ótima atração.

Museus do Vaticano

Este tesouro de obras de arte clássicas e históricas foi construído ao longo de muitos séculos por vários papas e inclui algumas das peças de arte mais importantes do mundo.

Localizados dentro dos limites do estado do Vaticano, os museus possuem mais de 70.000 peças de arte.

Um bilhete duplo pode ser comprado para ver a Capela Sistina e os museus, e é aconselhável dedicar um bom tempo para vê-los adequadamente.

Divididos em várias seções, os museus incluem o Museu Pio-Clementino, o Museu Chiaramonti, o Museu Gregoriano Etrusco e o Museu Gregoriano Egiziano, cada um dos quais contém obras de arte e temas diferentes.

E então, já conhecia estes pontos turísticos? Já os incluiu em seu planejamento? Esperamos que tenha ajudado e lembre-se: se você usar o seu veículo para ir até o aeroporto quando for viajar, reserve com antecedência uma vaga em um estacionamento aeroporto Guarulhos (caso você seja de SP) e fique tranquilo (a) enquanto aproveita a bela cidade que é Roma!